Idioma: English
Idioma: English Español Português

O Testemunho de Rebecca Sobre o Livro de Mórmon

Eu amo o Livro de Mórmon e sei que ele é verdadeiro. Eu o li antes de ser batizada como membro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, quando tinha oito anos. Desde a minha infância eu aprendi a que as escrituras nos proporcionam paz, conforto e amor. Eu também li a Bíblia, mas o Livro de Mórmon (Outro Testamento de Jesus Cristo) me parecia mais fácil de entender. Eu perdi a conta de quantas vezes eu li este livro; e todas às vezes eu encontrei alegria, paz e conforto que amparavam a minha alma.

Book of MormonEste livro verdadeiramente me trouxe para perto do meu Salvador Jesus Cristo. Por causa da Bíblia, eu sabia que Deus tinha enviado Jesus Cristo a esta terra para nos salvar por meio do Sua expiação e ressurreição. Mas não foi até quando eu li o Livro de Mórmon que comecei a vê-Lo como meu misericordioso irmão. Minha escritura favorita se encontra em Alma 7:11-13 porque sei que o Senhor Jesus Cristo sofreu tudo por mim. Quando me sinto sozinha, com minhas dolorosas experiências, sei que posso ir a Cristo porque Ele já sofreu por todas as minhas dores, doenças, tribulações, tristezas e mágoas.

O Livro de Mórmon não somente fortaleceu meu relacionamento com o meu Redentor, mas também abençoou minha vida de muitas maneiras. Quando eu tinha 14 anos, comecei a ler as escrituras diariamente, e senti uma grande diferença de quando eu as lia esporadicamente. Eu podia encontrar respostas especificas as minhas orações e sentir que Deus estava falando diretamente comigo. Quando eu tinha 21 anos, eu me mudei para a Itália e lutei durante muitos meses para ser capaz de me comunicar com os Italianos. Foi somente depois que comecei a ler em voz alta o Livro de Mórmon (em italiano) que comecei a compreender e falar a língua que estava tentando aprender por tanto tempo.

Eu servi uma missão e ensinei muitos latino-americanos sobre o Livro de Mórmon que conta história da visita de Cristo aos seus ancestrais. Em 2007, eu escrevi, “Eu sei que este livro é verdadeiro porque ele ensina a respeito de meu Pai Celestial e do meu Salvador Jesus Cristo; ele me traz alegria, esperança e conforto a minha vida.” Eu sei que Deus me ama e tem me abençoado com este livro, que me ajuda a entender a Bíblia e me ensina a respeito do meu potencial divino e sobre a Expiação”. Por dezoito meses, eu convidei a todos os que encontrava a ler este livro e perguntar a Deus se ele é verdadeiro. Eu ainda não conheci ninguém, que depois de estudar e sinceramente orar por uma resposta, não a tenha recebido.

Todas as vezes, desde a minha adolescência até hoje, em que perguntei a Deus se este livro era verdadeiro, sempre recebi uma resposta afirmativa. Quando eu tinha 18 anos, tive a oportunidade de visitar as ruinas de Teotihuacán no México. Naquela ocasião ouvi um guia Católico falar sobra as histórias das pirâmides e da lenda do Homem Branco. Eu me lembro do incrível sentimento que tive enquanto estava de pé no mesmo lugar dos eventos que havia lido no Livro de Mórmon.

As minhas escrituras são um dos mais valiosos tesouros que possuo na minha vida (além da minha família). Uma vez minhas bagagens forma roubadas junto com minha primeira cópia do Livro de Mórmon. Eu fiquei devastada porque este livro significava tanto para mim e espero que alguém possa tê-lo encontrado e que ele possa ter também mudado a sua vida para a melhor.

Eu amo este livro e sei que ele é verdadeiro!

Rebecca

Loading
Center map
Tráfego
De bicicleta
Transit

Responda

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2017 Filmes Jornada de Fé. Todos os direitos reservados.
Esta página web não pertence nem é afiliada a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (algumas vezes também chamada de Igreja Mórmon ou Igreja SUD). Os pontos de vista expressos pelos usuários são de responsabilidade dos mesmos e não representam necessariamente a posição da Igreja. Para acessar os sites oficiais da Igreja visite: LDS.org ou Mormon.org.